ConcursosMaranhãoPolítica

SENSAÇÃO DE DEVER CUMPRIDO 

Para a jornalista e advogada Itamargarethe Correa Lima, que é diretora de Comunicação da Casa e membro da Comissão de Concurso, “a sensação é de dever cumprido”, disse. Ela destacou ainda que a Câmara tinha um prazo que deveria ter sido cumprindo, mas visando atender todos os ditames legais, não foi possível.

Diretores da Câmara de São Luís, que neste momento aguardam o início da solenidade de lançamento do edital do primeiro concurso público do legislativo ludovicense, que acontece daqui a poucos instantes na Vara de Direitos Difusos e Coletivos, no Fórum desembargador Sarney Costa, no Calhau, falam das dificuldades enfrentadas e a satisfação de participar desse momento histórico. Para a jornalista e advogada Itamargarethe Correa Lima, que é diretora de Comunicação da Casa e membro da Comissão de Concurso, “a sensação é de dever cumprido”, disse. Ela destacou ainda que a Câmara tinha um prazo que deveria ter sido cumprindo, mas visando atender todos os ditames legais, não foi possível.

“Contudo daqui a poucos instantes, quando lançarmos o edital, o primeiro concurso da história da Câmara em quase 400 anos começará a deixar de ser sonho para ser realidade”, afirmou Itamargarethe.

O mesmo pensamento é comungando pela diretora financeira da Casa, Ana Karina Cordeiro.

“Sem dúvida, este momento será um marco na gestão do presidente Astro de Ogum. Nos últimos dias trabalhamos, em conjunto com a fundação Sousandrade, de forma incansável para estarmos aqui neste momento. Agora falta muito pouco para cumprirmos esse importante compromisso firmado pelo presidente “, destacou Ana Karina.

Fruto de um Termo de Ajustamento de Conduta- TAC firmado entre o Ministério Público Estadual e a Câmara de São Luís, homologado pela Justiça, através do juiz Douglas Martins, finalmente o primeiro concurso da história do legislativo ludovicense de será uma realidade daqui a poucos instantes, quando o edital estará sendo lançado. O concurso oferecerá mais 126 vagas imediatas, além de cadastro reserva. O ato solene acontecerá na Vara de Direitos Difusos e Coletivos, no fórum desembargador Sarney Costa daqui a poucos instantes.

TAC CUMPRIDO

Fruto de um Termo de Ajustamento de Conduta- TAC firmado entre o Ministério Público Estadual e a Câmara de São Luís, homologado pela Justiça, através do juiz Douglas Martins, finalmente o primeiro concurso da história do legislativo ludovicense de será uma realidade daqui a poucos instantes, quando o edital estará sendo lançado. O concurso oferecerá mais 126 vagas imediatas, além de cadastro reserva. O ato solene acontecerá na Vara de Direitos Difusos e Coletivos, no fórum desembargador Sarney Costa daqui a poucos instantes.

 

comentários

comentários

Tags

Postagens Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock Detected

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios