MaranhãoPolítica

Alô MPE: Funcionário da prefeitura transforma entrega de título de terra em comício eleitoral em São José de Ribamar

O evento promovido pela prefeitura de São José de Ribamar nesta quarta-feira (12), contou com a participação do cabo eleitoral conhecido como Dono do Mundo, que também preside a Associação dos Moradores do Bairro Alonso Costa.

Com a desculpa de entregas de títulos, o evento mais parecia um ato político e os próprios moradores que estavam no local e filmaram o “comício”, questionaram se já estavam fazendo campanha eleitoral.

Durante a fala do presidente da Associação, Raimundo Cantanhede Viana, o tal Dono do Mundo, que é funcionário da prefeitura e atualmente exerce o cargo de Assessor de Administrador Regional, o que se viu foi um verdadeiro comício, com pedido explicito para que os presentes não votem em outros candidatos.

Cabo eleitoral mais famoso no bairro, o presidente da Associação é conhecido por obter vantagens na prefeitura  após a vitória dos seus indicados, como indicações de empregos.

Presidente da Associação dos Moradores, além de cabo eleitoral mais conhecido do bairro, é servidor comissionado do município

Na atual gestão, foi Diretor do Centro Vila Alonso Costa, mas acabou sendo exonerado em novembro do ano passado após detectada irregularidade com a documentação da Associação onde funcionaria o Centro Social.. No site da Receita Federal, por exemplo, a entidade, fundada em 1995, encontra-se inativa desde fevereiro de 2019, aparentemente por desleixo com atos burocráticos.

Com mais de 15 anos de fundada, a Associação encontra-se inapta, de acordo com informações da Receita Federal

Para manter o vínculo, o prefeito Eudes Sampaio nomeou o cabo eleitoral para o cargo de Assessor de Administrador Regional, função que ocupa atualmente.

No vídeo, após tecer muitos elogios, como habitualmente faz em seus discursos, e fazer referencia a entrega de títulos, o assessor dispara, “Esse aqui é um grupo sério, o grupo de Eudes Sampaio. Eu peço para todo mundo uma salva de palmas para Eudes, para o grupo. Esse que é o grupo que trabalha gente. Vamos ajudar esse grupo. Esse grupo tem que continuar. Nós não pode ajudar quem cisca para trás. E quem já foi prefeito há quatro anos, fechou todo hospital, fechou o colégio. Nós não pode votar nesses candidatos que voltam para trás.” Diz parte do discurso, que é interrompido por uma moradora que grita “Tá fazendo campanha”.

O ato foi todo realizado com a estrutura da prefeitura e contou com a presença do prefeito, secretários, vereadores da base governista e assessores.

Ato administrativo da Prefeitura de São José de Ribamar virou uma espécie de comício

Resta saber agora, o que o Ministério Público Eleitoral acha de tudo isso.

Confira o vídeo

comentários

comentários

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios