“Ela era alegre e bondosa”, conta amiga de jovem encontrada morta em São Francisco de Paula

0
A jovem morava na cidade há cerca de dois anos, mas era natural de Pedreiras, no Maranhão Arquivo Pessoal / Divulgação

Vanessa Cruz Gomes, de 24 anos, era natural do Maranhão e trabalhava na colheita de batata

O corpo da jovem Vanessa Cruz Gomes, 24 anos, deve ser transladado na terça-feira (14) para a cidade de Pedreiras no Maranhão, onde ela nasceu.

Ela foi encontrada morta no domingo (12) pela manhã em São Francisco de Paula. O suspeito da morte foi preso no final da tarde de domingo pela Polícia Civil.

O homem de 37 anos confessou o crime à polícia.
Vanessa foi encontrada nua e com as mãos amarradas dentro de um riacho, perto de uma barragem, na saída da cidade.

A jovem morava na cidade há cerca de dois anos, mas era natural de Pedreiras, no Maranhão
Arquivo Pessoal / Divulgação

Há suspeita que ela teria sido estuprada. Também havia marcas de golpes, possivelmente feitos com uso de pedras, na cabeça da vítima.

Ainda conforme informações repassadas a Polícia Civil, a vítima estava grávida de dois meses. A informação será confirmada por exames, assim, como se Vanessa foi vítima de violência sexual.

A suspeita de gravidez foi confidenciada por Vanessa à amiga Francisca Rodrigues, 32, da mesma cidade natal e que mora em Minas Gerais, onde Vanessa chegou a morar por algum tempo.

Atualmente, ambas estavam no Rio Grande do Sul para trabalhar na plantação de batatas. Antes de chegar a São Francisco de Paula, em fevereiro de 2022, a Vanessa morou em Vacaria.

— Ela era alegre, sorriso contagiante e bondosa. Ela tinha um coração enorme, sempre gentil com as pessoas, uma pessoa boa e tratava bem todo mundo. A Vanessa era parte da família. Conheço ela desde criança, e era muito divertida. Ela me contou que achava que estava grávida. Disse para ela comprar um teste e ela ia fazer, mas não chegou a fazer.

Ela conta que Vanessa chegou a São Chico em 15 de fevereiro para trabalharem juntas na colheita e depois voltar para Minas Gerais.

— Todo mundo falava bem dela. Ela veio para cá porque eu estava aqui em São Francisco de Paula para ficarmos juntos. É muito triste —lamenta a amiga.

Vanessa deixa três filhos, um menino de nove, uma menina de sete e um menino de quatro anos. Eles moram com os avós no Maranhão.

https://gauchazh.clicrbs.com.br/pioneiro/policia/noticia/2022/06/ela-era-alegre-e-bondosa-conta-amiga-de-jovem-encontrada-morta-em-sao-francisco-de-paula-cl4cw6cw90031019if2zo3e6o.html

comentários

comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui