CotidianoPolítica

Lula ataca Bolsonaro após fala sobre Santa Cruz: “Caráter covarde”

O petista se solidarizou com o presidente da OAB, Felipe Santos Cruz, cujo pai, morto na ditadura, foi alvo de declarações de Bolsonaro

Após os ataques ao presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, feitos pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso em Curitiba, enviou carta ao presidente da ordem se solidarizando.

Lula refere-se a Bolsonaro como “mau presidente” e diz que ele revelou “caráter covarde”. “Ao atacar os mais frágeis e aos que nem podem mais se defender, esse mau presidente revela seu caráter covarde”, disse o ex-presidente na carta.

Em entrevista na última segunda-feira (29/07/2019), Bolsonaro falou sobre o pai de Felipe Santa Curz, Fernando Santa Cruz, desaparecido desde que foi preso, em 1974, pelo regime militar. Pela manhã, disse que sabia das circunstâncias da morte de Fernando e que poderia contar a Felipe, que, na opinião de Bolsonaro, poderia não gostar de saber a verdade. À tarde, o presidente negou que Fernando teria sido morto por militares e afirmou que o assassinato se devia a parceiros de luta contra o regime.

No texto de três parágrafos, Lula refere-se à fala de Bolsonaro como “cruel desrespeito” e aponta: “É como se “violentassem seu pai e, junto com ele, todas as vítimas da ditadura”.

“Quero me solidarizar com você e com sua família pelo cruel desrespeito que os atingiu no dia de ontem. Só quem suportou o sentimento de perder um ente querido, sem ter sequer o direito de velar seu corpo, poderá avaliar a dor que vocês sentem neste momento”, disse o presidente na carta.

“Nada poderá reparar o sacrifício de seu pai, meu caro Felipe, nem a ofensa brutal que o vitimou mais uma vez. Mas tenha certeza que a imensa maioria do povo brasileiro ama a paz e a democracia. Sempre vamos reverenciar nossos verdadeiros heróis e é isso que os tiranos não conseguem suportar”, diz Lula.

comentários

comentários

Tags

Postagens Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo protegido.
Close

Adblock Detected

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios